cidade-ocidental

Em uma semana, 6 pessoas foram assassinadas em Cidade Ocidental

População do município, que tem pouco mais 65 mil habitantes, está assustada com onda de violência. Em um dos casos, dois irmãos foram esfaqueados durante briga.

oradores de Cidade Ocidental, no Entorno do Distrito Federal, estão assustados com a onda de violência que afeta o município. Nos últimos sete dias, seis pessoas foram assassinadas. Entre os crimes está a morte de dois irmãos, Rony e Robson Oliveira, durante uma discussão em uma distribuidora de bebidas. Câmeras de segurança registraram a confusão (veja vídeo acima).

A dona de casa Cândida da Silva Oliveira, mãe das vítimas, cobra punição do suspeito, um jovem de 27 anos que já foi identificado pela polícia e é considerado foragido da Justiça. “Assim como aconteceu com meus filhos, eu estou com esta dor enorme, pode ter outra mãe mais tarde chorando, passando o que eu estou passando, por conta dele solto aí.

“Que ele pague, pague mesmo. O tempo que for possível é bom, é importante. O bom dele é atrás das grades mesmo”, desabafou.

A Polícia Civil informou à TV Anhanguera que todas as mortes já estão sendo investigadas. Já a Polícia Militar em Cidade Ocidental afirmou que rondas são feitas com o objetivo de prevenir crimes na região.

Cidade Ocidental tem, segundo estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), pouco mais de 65 mil habitantes. A onda de violência tem preocupado a população do município, que afirma que crimes como o da última semana não faziam parte da rotina do local há pouco tempo.

“Aqui você não via violência nenhuma. Podia andar de madrugada, podia dormir de porta aberta. Hoje ninguém pode nem sair de casa”, disse a dona de casa Aparecida Soares.

Série de crimes

Rony e Robson foram mortos a golpes de faca, na sexta-feira (1º), durante uma confusão em uma distribuidora de bebidas. Em menos de 24 horas, outras duas pessoas também foram assassinadas na cidade.

A dona de um bar, Luzinete Benícia de Souza, e o filho dela, Luiz Fernando de Souza, de 16 anos, foram mortos a tiros por dois homens que se passavam por clientes. A Polícia Civil acredita que o crime tenha ligação com o tráfico de drogas. Os dois suspeitos ainda não foram identificados.

Na última quinta-feira (31), três pessoas foram mortas, entre elas uma transexual. A suspeita da corporação é que o crime tenha tido como motivação um acerto de contas envolvendo drogas.

No sábado (2), a vítima foi Marcos Antônio de Sousa dos Santos. A Polícia Civil não passou detalhes sobre a forma como ele foi morto.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *